Restaurante Avenida
Carreta no Kamel Saad
DIA DO BIBLIOTECÁRIO

Prefeitura celebra o Dia do Bibliotecário

Leitura como instrumento de transformação social em Ponta Porã foi tema de debate

13/03/2019 15h40
Por: Zadir de Souza
Fonte: Coordenadoria de Imprensa
Evento marcou Dia do Bibliotecário
Evento marcou Dia do Bibliotecário

A Prefeitura de Ponta Porã, administração prefeito Hélio Peluffo, por meio da Fundação de Cultura e Esporte-FUNCESPP realizou nesta terça-feira (12), data em que se comemora o Dia do Bibliotecário, uma ampla abordagem da leitura, como ação do Projeto Fronteiras da Cultura eixo Fronteiras das Palavras.

A leitura como instrumento de transformação social em Ponta Porã: Realidade e perspectivas foi o ponto de debate no Dia do Bibliotecário promovido pelo departamento de Cultura da FUNCESPP que reuniu no Auditório da Prefeitura de Ponta Porã, educadores, servidores lotados em bibliotecas, escritores e acadêmicos.

A abertura do evento foi feita pela diretora-presidente da FUNCESPP, Professora Celma Pelush que agradeceu a presença de todos e destacou as diversas iniciativas que a atual gestão municipal vem realizando em favor da arte e cultura alinhada com a educação.

O diretor de Cultura da FUNCESPP, Eder Rubens, lembrou que a ação faz parte do Calendário Cultural da FUNCESPP, como atividade do Fronteira das Palavras que busca impulsionar a leitura e a produção literária junto a população de Ponta Porã mediante oficinas, debates, seminários e eventos de literatura.

O debate contou com a participação da Professora Ma. Camila de Cabral, Professora Ma Anabela Bingre de Négrier, Professor Graduado Nivalcir Pereira de Almeida, presidente da Academia Pontaporanense de Letras e Professora Marta Souza, coordenadora da Biblioteca SESI em Ponta Porã, .com medição do Jornalista Eder Rubens da Silva, diretor de Cultura FUNCESPP.

Na oportunidade foram abordados temas relevantes como a necessidade do bibliotecário reinventar se em tempos do avanço da tecnologia e aplicativos, passando a ser um gestor de dados.

“É preciso utilizar a tecnologia e  criatividade como ferramenta para aguçar o gosto pela leitura junto a população, como um hábito prazeroso.A tecnologia pode e dever ser usada como aliada é possível observar diversas experiências bem sucedidas neste sentido” destacou professora Camila Cabral. 

Para a Professora Anabela Négrier, bibliotecários, professores e educadores devem instigar o leitor a vivenciar as obras literárias, seus personagens e tema, mediante o processo de leitura libertadora.

O professor Nivalcir Almeida destacou a leitura como fundamental para libertação das pessoas, que passam a descobrir um universo de possibilidade que permite a comunicação de forma democrática.

A coordenadora da Biblioteca SESI em Ponta Porã, professora Marta Souza relatou as experiências bem sucedidas realizadas junto aos alunos que impulsionou a leitura mediante ações dinâmicas, como contação de histórias, cinema, projetos de Xadrez e encenação de obras literárias.

“Essas ações permitiram que a Biblioteca SESI em Ponta Porã, figure em primeiro lugar em Mato Grosso do Sul, ganhando diversos prêmios, mas principalmente alcançando o seu principal objetivo de incentivar a leitura” explicou.

O público presente participou com perguntas pontuais, contribuindo com o debate e interagindo com a mesa redonda.

O evento teve seu encerramento com homenagem aos profissionais que atuam nas bibliotecas e a entrega de uma singela lembrança feita pela Biblioteca Municipal João Portela Freire através da professora Elza Souza.

  • Prefeitura celebra o Dia do Bibliotecário
  • Prefeitura celebra o Dia do Bibliotecário
  • Prefeitura celebra o Dia do Bibliotecário
Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários