Equimape-2 18-06-2019
Julho Amarelo
ASSEMBLÉIA TAXISTAS

Taxistas cobram fim do transporte clandestino em Ponta Porã

Realizaram assembléia no último dia 13 de março e aprovaram resolução onde cobram efetivamente o fim do transporte clandestino em Ponta Porã

20/03/2019 07h49Atualizado há 4 meses
Por: Zadir de Souza
Fonte: Zadir de Souza
Estiveram reunidos os diretores da Associação dos Taxistas (da esq. p/dir.) dona Marlene Ferreira, vice-presidente, Edson Rodrigues, presidente e Mauro Calonga, tesoureiro
Estiveram reunidos os diretores da Associação dos Taxistas (da esq. p/dir.) dona Marlene Ferreira, vice-presidente, Edson Rodrigues, presidente e Mauro Calonga, tesoureiro

Os taxistas de Ponta Porã realizaram assembléia no último dia 13 de março e aprovaram resolução onde cobram efetivamente o fim do transporte clandestino em Ponta Porã. O presidente da Associação dos Taxistas, Edson Rodrigues, enfatizou que a categoria está unida em torno desse objetivo, já que o serviço não regulamentado está causando enormes prejuízos à categoria, já que a concorrência desleal provoca a redução no número de corridas aos taxistas.

Em Ponta Porã, a lei disciplina o transporte via táxi de passageiros. Outros meios, como Uber e mototáxi não estão regulamentados, ou seja, não há lei vigente disciplinando essas atividades.

Na reunião ampliada com a presença de 100% dos profissionais do volante, a categoria aprovou medida no sentido de cobrar o fim da continuidade do transporte clandestino. Uma das ações será de buscar apoio da Polícia Militar e secretaria de Segurança Pública no sentido de ampliar a fiscalização em todo o município, bem como na área rural, como no trecho Ponta Porã distrito de Nova Itamarati, onde conforme denúncias recebidas, há uma forte atuação de clandestinos no transporte coletivo.

No ano passado, a prefeitura de Ponta Porã já realizou uma reunião ampliada com os taxistas e anunciou o aperto na fiscalização. Na época, o secretário Marcelino Nunes anunciou Uma forte fiscalização visando combater o transporte clandestino de passageiros – seja veículo utilitário, vans e motos – começa a ser desenvolvida em Ponta Porã com objetivo de retirar de circulação todos os serviços irregulares que estão sendo realizados. A determinação segue Lei Municipal e tem como alvo principal garantir a segurança dos usuários além de evitar que passageiros sejam lesados por conta de cobranças indevidas.

“O município irá tirar de circulação veículos e motos que não possuem quaisquer condições de estar no trânsito sem documento oficial para atuar no mercado”, afirmou o secretário. Marcelino lembrou que existe uma Lei municipal em vigor disciplinando a atuação de prestadores de serviço na área do transporte de passageiros.

O presidente da Associação dos Taxistas de Ponta Porã, Edson Rodrigues elogiou a ação da prefeitura de Ponta Porã para disciplinar o serviço no município. “Estamos trabalhando em desigualdade, recolhemos nossos impostos pontualmente, atendemos todos os requisitos, cuidamos dos veículos para bem servir à população e somos prejudicados quando alguém coloca um carro ou moto para transportar passageiros não atendendo nenhum dos requisitos da Lei”, afirmou o dirigente classista.

Edson disse que desta vez o prefeito Hélio Peluffo está de parabéns por apoiar não somente a associação por ele presidida “mas todas as categorias que contribuem com o crescimento de Ponta Porã, reconhecendo a profissão de todos e a importância desses segmentos para a economia local”, ponderou.

  • Taxistas cobram fim do transporte clandestino em Ponta Porã
  • Taxistas cobram fim do transporte clandestino em Ponta Porã
  • Taxistas cobram fim do transporte clandestino em Ponta Porã
  • Taxistas cobram fim do transporte clandestino em Ponta Porã
  • Taxistas cobram fim do transporte clandestino em Ponta Porã
  • Taxistas cobram fim do transporte clandestino em Ponta Porã
  • Taxistas cobram fim do transporte clandestino em Ponta Porã
  • Taxistas cobram fim do transporte clandestino em Ponta Porã
Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários