Equimape-2 18-06-2019
Julho Amarelo
ELEIÇÕES PSDB

Mattogrosso reassume presidência e quer nomes fortes para 2020

Pelo menos seis vereadores são sondados para integrar sigla

14/04/2019 14h29
Por: Zadir de Souza
Fonte: Correiodoestado
Diretório do PSDB tem como presidente João César Mattogrosso e como vice Flávio César - Foto: Yarima Mecchi
Diretório do PSDB tem como presidente João César Mattogrosso e como vice Flávio César - Foto: Yarima Mecchi

Reconduzido neste domingo (14) ao cargo de presidente do diretório municipal do PSDB, o vereador João César Mattogrosso afirmou que vai trabalhar para aumentar o partido em 2020 e “fazer um time forte" de nomes para as próximas eleições municipais em Campo Grande.

 “O meu compromisso com o PSDB é manter a bancada do partido como a maior da Câmara (Municipal) e ampliar o número de nomes”, destacou. Hoje seis vereadores compõem a bancada do PSDB na Câmara Municipal.

Ainda conforme o presidente do diretório municipal do PSDB, a intenção é buscar nomes entre integrantes do próprio partido, mas que estão sem mandato atualmente — caso de Maurício Picarelli, que não se reelegeu para deputado estadual no último pleito — e também chamar lideranças de outras siglas a se integrar ao PSDB.

Entre os nomes cogitados, estão o do parlamentar Valdir Gomes (PP), Júnior Longo (PSB), Carlão (PSB), Willian Maksoud (PMN), Pastor Jeremias (Avante) e Vinicius Siqueira (DEM). “São todos nomes que não podemos deixar de fazer convite”, enfatizou.

“INCHAÇO”

Em relação ao “inchaço” do partido na última eleição, situação que se tornou alvo de polêmica, João César Mattogrosso destacou que o PSDB é um partido grande, com representatividade, do governador do Estado e não há como um partido que quer fazer uma base de cinco a sete vereadores, uma bancada grande na Câmara Municipal ou na Assembleia Legislativa, deixar nomes de fora. “O inchaço é necessário para que a gente consiga levar nomes fortes para dentro do poder legislativo”, destacou.

No entanto, ele garantiu que a disputa será igualitária para quem estiver representando a sigla. “Vamos trazer nomes de fora, vamos buscar dentro primeiro, mas não é fácil fazer uma chapa pura sem a gente trazer novos nomes. Isso faz parte do jogo da política”, concluiu.

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários