Residencial Ponta Porã I
ASFALTO

Candinho Gabínio pede asfalto para o Jardim das Rosas e ponto de ônibus coberto no Kamel Saad

Desenvolva um projeto para realizar obras de pavimentação asfáltica completa, no bairro Jardim das Rosas

12/06/2019 09h53
Por: Zadir de Souza
Fonte: Assessoria de Imprensa
Vereador Candinho Gabínio
Vereador Candinho Gabínio

Na sessão ordinária desta terça-feira, 11 de junho, o presidente do Poder Legislativo Municipal de Ponta Porã, Candinho Gabínio, apresentou uma indicação solicitando a instalação de um ponto de ônibus coberto no Residencial Kamel Saad.

Conforme a justificativa do presidente, a indicação tem como finalidade proporcionar aos usuários do transporte público mais conforto enquanto esperam o ônibus, “Atualmente o bairro não possui um ponto de ônibus fixo, desta forma o ônibus transita em diversos pontos do bairro gerando demora no serviço oferecido”, explicou.

Jardim das Rosas

O presidente da Câmara Municipal, Candinho Gabínio, também solicitou que o Poder Executivo Municipal desenvolva um projeto para realizar obras de pavimentação asfáltica completa, no bairro Jardim das Rosas.

Candinho Gabínio disse que o referido bairro ainda não é completamente asfaltado, o que gera inúmeras solicitações de moradores para que a pavimentação seja realizada. “Sabemos o quanto o asfalto é importante para melhorar a qualidade de vida da população, além de valorizar imóveis e sanar inúmeros problemas referentes à poeira em épocas de sol, que invadem as casas, provocam problemas respiratórios e o lamaçal em tempos de chuva”, explanou.

Centro Internacional de Convenções

Ainda durante a sessão ordinária, Candinho Gabínio apresentou a terceira indicação, que foi encaminhada ao prefeito, Hélio Peluffo Filho, com cópia ao secretário municipal de Governo e Comunicação, Eduardo Campos, solicitando a aquisição de equipamentos de sonorização, bem como data show, mesas e cadeiras para uso exclusivo do Centro Internacional de Convenções de Ponta Porã.

O presidente da Câmara Municipal explicou que falta material no Centro Internacional de Convenções. “O local não possui material básico para a realização de eventos.Desta forma, o cidadão que necessita utilizar do espaço, precisa arcar com todas estas despesas mencionadas. Informo ainda, que o espaço não possui mesas e cadeiras específicas para a presença de autoridades, portanto é de extrema importância, que o Poder Executivo realize esta aquisição, de modo que alguns contratempos sejam resolvidos”, concluiu.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários