Sábado, 19 de Setembro de 2020
(67) 99242-5959
Anúncio
Polícia EXECUÇÃO

Ex-presidiário foi morto pelas costas, com 4 tiros de 9 milímetros

Identificado como Alex Alves de Carvalho, de 39 anos de idade, o homem morto no início da tarde

03/09/2020 16h43
Por: Zadir de Souza Fonte: Assessoria de Imprensa
Alex Alves de Carvalho, de 39 anos de idade
Alex Alves de Carvalho, de 39 anos de idade

Foi identificado como Alex Alves de Carvalho, de 39 anos de idade, o homem morto no início da tarde desta quinta-feira (3) em Ponta Porã. Ex-presidiário com longa ficha criminal, Alex era natural de Ituiutaba (MG), mas morava há vários anos em Mato Grosso do Sul.

O Campo Grande News apurou que Alex Carvalho foi morto com quatro tiros de pistola calibre 9 milímetros, disparados pelas costas. O crime ocorreu na calçada da Igreja Matriz São José, na Rua Presidente Vargas esquina com Avenida Brasil, Centro de Ponta Porã.

A polícia acredita que ele conversava com o autor do crime, homem ainda não identificado que fugiu em uma moto estrangeira, tipo de veículo comum na Linha Internacional entre Ponta Porã e Pedro Juan Caballero, do lado paraguaio.

Possivelmente após desacerto, Alex saiu caminhando e foi alvejado pelas costas. Ele foi atingido com dois tiros na perna direita e dois nas costas. Quatro cápsulas deflagradas de pistola 9 milímetros foram recolhidas pela perícia da Polícia Civil.

Além de antecedentes criminais de quanto ainda morava em Minas Gerais, Alex de Carvalho já tinha sido preso em Mato Grosso do Sul por associação criminosa, falsificação de documento público e falsa identidade, nos municípios de Terenos e Paranaíba.

A principal suspeita é que Alex fizesse parte de uma das facções criminosas instaladas na fronteira, em guerra há quatro anos pelo controle do tráfico de drogas e de armas na Linha Internacional.

Ele1 - Criar site de notícias